Dicas para passear gastando nada, ou quase nada, no Rio de Janeiro

Sair de casa, conhecer lugares novos e espairecer a mente é bom para todo mundo, não é verdade? Porém, há quem deixe esses programas prazerosos de lado para não afetar o orçamento, mas não é preciso se sacrificar tanto, porque é possível passear sem gastar.

E aqui estamos falando sobre não gastar nada e em outros casos quase nada. Porque para se divertir não é preciso optar por atrações caras, que têm ingressos com preços altos e que a gente precisa levar um bolo de dinheiro para conhecer.

Se você tem vontade de conhecer o Rio de Janeiro e ainda não foi por ser uma cidade turística e achar que os preços são altos, acredite, há muito que fazer por lá. E entre essas atividades dá para passear sem gasta e curtir a cidade e suas belezas.

Quer saber como fazer esse turismo econômico, mas de qualidade? Então veja a seguir as dicas que preparamos para você!

  1. Andar de bicicleta na orla da Zona Sul

No Rio de Janeiro você conta com várias estações para fazer aluguel de bicicletas, e elas se estendem entre a Lagoa, Copacabana, Leme, Gávea, Ipanema e Leblon. Mas não se assuste com o termo alugar, porque não é nada caro.

Com apenas 5 reais você pode pegar uma das bicicletas e conhecer diversos pontos turísticos, aproveitando o clima e as belezas do Rio. Se quiser um tempo maior para se divertir, pode aderir à mensalidade, que custa em torno de 10 reais.

  1. Conhecer a Baía de Guanabara no barco da Marinha

Esse passeio pode começar gratuito se você quiser. Porque há muita coisa interessante no Espaço Cultura da Marinha. Lá está uma das naus que descobriram o Brasil, um submarino e até um helicóptero museu.

Se você puder gastar um pouquinho (dinheiro de café) pode navegar pelo barco da Marinha pela Baía e conhecer a história da região, contada por um guia. Esse passeio custa cerca de 10 reais. E ainda há outra parada, que é na Ilha Fiscal.

Além das belezas da Ilha você pode conhecer o Torreão e apreciar exposições que são permanentes ali. Sem falar que também há um café por lá, para descansar e reabastecer!

  1. Escutar o chorinho carioca

Em Laranjeiras você pode apreciar o delicioso ritmo do chorinho carioca, porque há alguns locais onde eles acontecem a céu aberto e de graça para quem quiser ouvir. Na Rua General Glicério, sempre aos sábados, está um desses points.

O outro está na Praça São Salvador, onde aos domingos também rola o ritmo para complementar os espaços que há por ali, como botecos, pizzaria e ainda estabelecimentos árabes.

  1. Conhecer o Forte de Copacabana

Esse é um passeio que não vai pesar praticamente nada em seu bolso, porque com cerca de 5 reais você pode visitar esse espaço magnífico e apreciar o seu belo visual. Além das atrações internas, a vista da orla é belíssima.

  1. Passear pelo Parque Lage

Esse parque fica localizado no Jardim Botânico do Rio de Janeiro e é uma excelente opção para quem deseja passear sem pagar por isso. A entrada é gratuita e ali há trilhas, lugares para piquenique, áreas infantis, cavernas artificiais e o casarão, que serve café da manhã ao redor da piscina nos finais de semana.

  1. Conhecer a noite da Lapa

A Lapa é um lugar muito democrático a noite, onde todas as tribos têm o seu espaço. Então, não importa do que você gosta nem qual é o seu estilo, você vai encontrar uma turma igual a você e com certeza fará amizades.

  1. Andar na Pista Cláudio Coutinho

Que tal uma bela caminhada ao ar livre? Entre a Praia Vermelha e o Pão de Açúcar está esse belo espaço, onde você pode tanto se exercitar, como apenas curtir o belo caminho e relaxar com a natureza ao seu redor.

  1. Visitar a Feira do Rio Antigo

Seu passeio terá que calhar com o primeiro sábado do mês para visitar essa feira, porque ela só acontece nesse dia. Mas vale muito a pena, porque tem de tudo por lá, e ainda artistas de rua e restaurantes que servem pratos típicos do Rio.

  1. Fazer selfies no Mirante da Paz

Em Cantagalo você pode visitar esse belo mirante que tem acesso por elevador e te dá visão para o Cristo Redentor, a Lagoa Rodrigo de Freitas, o Morro Dois Irmãos, as Ilhas Cagarras e a Praia de Ipanema.

  1. Passear de Bondinho

E para finalizar o seu tour, que tal uma volta no bondinho da Santa Teresa. É fato que de vez em quanto ele dá uma parada e fica desativado, mas, ainda assim não podemos deixar de colocar na lista. Afinal o passeio é muito barato e você passa pelos Arcos da Lapa!

Viu só como dá para passear sem gastar nada ou quase nada? Anote esses destinos em seu roteiro e aproveite para conhecer o Rio sem precisar entrar no vermelho por isso!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *